“Nunca me sonharam” é premiado em Los Angeles como o melhor documentário de 2017

“Nunca me sonharam” foi premiado como melhor documentário do ano pelo Los Angeles Brazilian Film Festival, que ocorreu em Los Angeles entre os dias 5 e 8 de novembro. Dirigido por Cacau Rhoden, produzido pela Maria Farinha Filmes e apresentado pelo Instituto Unibanco, o filme aborda a importância da educação por meio de depoimentos de estudantes do Ensino Médio das escolas públicas brasileiras.

“O filme retrata a realidade das juventudes brasileiras nas escolas públicas e discute qual é projeto de país que queremos sonhar. Ele traz uma reflexão sobre o que significa viver essa fase da vida, ser jovem numa sociedade tão desigual como a nossa e ter que fazer escolhas nesse cenário”, diz Ricardo Henriques, superintendente do Instituto Unibanco.

O filme, que estreou em junho deste ano, já foi visto por mais de 260 mil pessoas em todos os estados do Brasil e em países como Inglaterra, Portugal e Estados Unidos. O público ainda pode agendar exibições gratuitas por meio da plataforma VIDEOCAMP ou acessar pelo iTunes, NET NOW, Google Play e Vivo Play.

Para saber mais sobre o filme, acesse o site oficial.